DIABETES – MITOS E VERDADES

DIABETES – MITOS E VERDADES


O texto de hoje foi preparado com muito carinho à pedido do meu grande amigo Pablo, e confesso estou amando escrever cada palavra.

Qual a crendice que sua avó, mãe, ou familiar mais usavam/usam?

“Não pode tomar banho após almoçar!”

“Desvire o chinelo pra sua mãe não morrer!”

“Mulher grávida não pode encostar a barriga no fogão.”

“Toma canjica pra ter mais leite.”

São muitas histórias, cada uma transmitida de um jeitinho. Mas todas retratam o valor que a saúde apresenta, desde antigamente. Mesmo não possuindo na época muita informação e embasamento científico.

Mas e sobre a Diabetes, alguém conhece?

Em alguns textos pude encontrar um pouquinho dessas informações. Você me acompanha?


Especiarias (como a canela) ajudam a controlar a glicose no sangue?

MITO – Ainda não existe comprovação de que em humanos essas especiarias façam algum efeito.

Diabético pode consumir mel ou açúcar mascavo sem restrições?

MITO – Mesmo tendo origem natural, esses alimentos são ricos em sacarose, que precisam ser evitados no cuidado com a Diabetes. Mas em alguns casos, onde há acompanhamento contínuo com nutricionista e um controle alimentar eficiente, poderá ser usado de forma equilibrada.

Estresse ajuda a descontrolar o diabetes?

VERDADE – Quando uma pessoa fica nervosa, sua taxa de glicose no sangue aumenta. “Mas isso não acontece somente com o diabético”.

Alguns alimentos ajudam a controlar os níveis de glicose no sangue auxiliando o tratamento do diabetes?

VERDADE – Isso acontece porque, o índice glicêmico dos alimentos quando baixo, ajudam a retardar a absorção da glicose pelo sangue. Neste caso, podemos incluir: alimentos integrais, iogurte sem açúcar, maçã, pêra, feijão.

Diabetes é contagioso?

MITOOOO – A Diabetes não é transmitida de pessoa pra pessoa. Vamos abandonar esse conceito. Diabético pode trabalhar, ter vida social, relacionamento amoroso, amigos.

Carnes em geral, queijos e ovos não possuem açúcar, por isso podem ser consumidos à vontade?

MITO – Esses alimentos são ricos em proteínas e gorduras, em excesso interferem na glicemia, e ainda, elevam o colesterol e aumentam o peso.

O tratamento hipoglicemia (glicemia abaixo de 70) deve ser feito com 150 ml de refrigerante comum ou 150 ml de suco comum ou 01 colher de sopa de açúcar?

VERDADE – Essa é uma das alternativas existentes para o controle da hipoglicemia. Eleva em média 50 pontos.

Pessoas com diabetes não podem comer frutos regionais do Norte, como o açaí, pupunha e tucumã?

MITO – Não existem frutos proibidos para a pessoa diabética, mesmo com valor energético elevado, podem ser consumidos, desde que inseridos no plano alimentar.


 

Pode-se perceber que os valores culturais e familiares influenciam diretamente na adequação da rotina alimentar e emocional do paciente.

Muito dos valores que são vivenciados nas famílias, são absorvidos pelos indivíduos e reapresentados para o meio em que se vive.

Se em uma família a Diabetes é percebida como um problema de difícil solução, onde não exista possibilidades e dificilmente prazer, é possível ao membro desta família, diabético, experimentar as mesmas crenças e valores. Associar as novidades à receios e medos, vivenciar insegurança e as frustrações estarão bem fortes neste meio.

Por outro lado, uma família que incentiva constantemente a busca de novos horizontes, possibilidades e percebe a Diabetes como uma questão simples, que precisa de cuidados, mas que a vida continua da melhor maneira. Estará essa família, oferecendo ao diabético, condições de se perceber seguro diante dos obstáculos, consciente dos seus objetivos, e capaz de perceber todas as alterações que podem ser realizadas por si mesmo.

temos como exemplo clássico a busca aos profissionais da saúde, especializados, que em alguns casos, não são inseridos no tratamento, por não se perceber a importância destes para a modificação dos hábitos. Cultura! – Precisamos quebrar as barreiras com o desconhecido, por acharmos diferente de nós, ou pelo medo de tentar conhecer o novo. Só saberemos se algo dará certo, se nos movimentarmos pra que isso aconteça.

Por isso, a importância de buscar sempre orientação médica, nutricional e psicológica, para que os “achismos” não virem rotina e possam assim, interferir na qualidade de vida.

Boa semana!

Fonte:

http://www.diabetes.org.br/mitos-e-verdades/mitos-e-verdades

http://www.minhavida.com.br/saude/materias/10565-7-mitos-e-5-verdades-sobre-o-diabetes

http://autocuidado.saude.gov.br/mitoseverdades

 

 

 

 

 

 

 

+ Não há comentários

Deixe o seu