Eu, vocês e a Bete (2 anos!)

Eu, vocês e a Bete (2 anos!)


Há 2 anos atrás resolvi fazer uma escolha.
 
Optei tornar pública a minha vida, história e doença.
 
Não pensei o quanto isso poderia custar pra mim, pensei apenas que precisava conhecer ao menos uma pessoa, em algum lugar, qua assim como eu, gostaria de acreditar que a vida poderia seguir em frente sem problemas após o diagnóstico de uma doença crônica.
 
Decidi transformar o choro em palavras de alegria, o lamento pelo ânimo e a raiva pela positividade.
 
Então nestes 2 anos eu amei ter a Bete? Não, eu aprendi com ela, mas amei cada oportunidade que ela me deu, mas também odiei cada glicemia alta, cada hipo indesejada, mas respirei fundo e toquei meu barco, não deixando ele virar.
 
Hoje, por meio dessa página, com o Eu e a Bete, tenho um saldo tão positivo que as pessoas e coisas “indesejadas” se tornaram realmente insignificantes.
 
Aliás o que de ruim aconteceu, faz parte. Afinal, ninguém taca pedra em árvores sem frutos, não é mesmo?
 
O Pablo, com a sua Bete, aprendeu com tantas pessoas, fez tantos amigos, que seria impossível aqui citar cada um deles neste texto porém, alguns deles eu não poderia deixar de citar.
 
Mas claro, tem um que se tornou um verdadeiro irmão (mais velho), que aprendo todos os dias e essa tolice que talvez exista de “disputa de blogs”, entre nós, rende boas piadas, não é mesmo Daniel?
 
Tem também aqueles que se uniram e criaram uma verdadeira revolução azul. Ju, Silvia e Sarah, tão alinhadas, engajadas que nessa mistura fraterna surgem verbos, prosas e poesias.
 
Nesse registro de 2 anos, claro que tem o meu amor, aquela que lutou para ver o Pablo deste modo, que não desistiu e me fez virar a chave. Obrigado minha grande mulher, minha esposa que aceita este turbulento triângulo amoroso (A Bete). rs
 
Obrigado você, que me acompanha desde o primeiro post, que em comentários ou mensagens me diz que aprendeu algo. Na verdade eu que aprendo com vocês.
 
Aquele beijo no coração das meninas dos grupos que me ajudam diariamente a frente deles, a galera do bem de outros blogs que felizmente tive a honra de conhecer ou de trocar muitas ideias virtualmente.
 
Por fim, não poderia deixar de agradecer a Silvana, Marcella e Larissa que além de amigas, me auxiliam e brilham em seus textos no blog.
 
Tenho muitos sonhos que desejo realizar e muitas coisas que irei fazer com esse trabalho. Espero contar com cada um aqui por muito tempo.
 
Continuo por aqui, mais este ano, nos próximos e até Deus permitir refletindo, escrevendo e sendo Eu, com vocês e a Bete.
 
#Eueabete2anos

+ Não há comentários

Deixe o seu