Iceberg

Iceberg


Gostaria de ter respostas para muitas questões da minha vida.

Qual o motivo de alguns problemas que tenho, quais serão as possíveis soluções, se de fato terá alguma resolução algum dia e até quando irei carregar comigo essa tal de diabetes.

Chega até cansar essa última questão, mas se eu ficar aqui estático buscando elucidar estes fatos de nada irá me acrescentar ou ficarei numa busca incansável até encontrar a verdadeira dimensão deste problema.

No caso, só temos acesso a ponta de um iceberg perturbador para muitos. Novas questões serão levantadas em 2016 ano sobre a Bete, novas histórias, novos aprendizados e novos desafios teremos.

Não vou tentar buscar onde começa essa geleira, apenas irei tentar me cuidar, fazer o melhor e seguir em frente com as ferramentas que tenho e até onde os meus olhos conseguem enxergar.

Assim que funciona, pelo menos pra mim, sem prometer nada, apenas tentando cumprir os fatos que já foram apresentados na minha vida e tendo a meta de seguir de forma harmoniosa entre Eu e a Bete.

As respostas, o tempo vai se encarregar em me dizer.

+ Não há comentários

Deixe o seu